sicnot

Perfil

Mundo

Polícia turca lança operação antiterrorista por todo o país

Horas depois do atentado de Istambul, a polícia turca lançou uma operação antiterrorista por todo o país. Só na cidade de Sanliurfa, no sudeste da Turquia, foram detidos 21 suspeitos de pertencer ou apoiar o Daesh.

TOLGA BOZOGLU

No total, houve 60 detenções efetuadas em rusgas a casas e locais onde as autoridades dizem que se escondiam apoiantes do autoproclamado Estado Islâmico. Depois da ação terrorista na maior cidade turca, as medidas de segurança foram reforçadas nas principais cidades e locais turísticos.

  • Pelo menos 10 mortos numa explosão em Istambul

    Mundo

    Pelo menos dez pessoas morreram e 15 ficaram hoje feridas após uma explosão na praça de Sultanahmet, no centro histórico de Istambul perto da basílica Sainte-Sophie e da Mesquita azul, avança a imprensa turca. As causas da explosão estão a ser investigadas, mas as autoridades suspeitam de origem terrorista.

  • Explosão em Istambul provocada por bombista sírio, afirma Erdogan
    2:14

    Mundo

    O Presidente turco afirma que a explosão desta manhã em Istambul terá sido provocada por um bombista suicida de origem síria. Erdogan diz que a Turquia é o primeiro alvo de todos os grupos terroristas da região e promete intensificar a luta contra todos. A explosão provocou 10 mortos e 15 feridos, entre os quais 8 estrangeiros. O primeiro-ministro turco convocou uma reunião de emergência do gabinete de crise em Ancara.

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".