sicnot

Perfil

Mundo

Síria na agenda da primeira reunião do ano de chefes de diplomacia da UE

O conflito na Síria é o grande destaque da agenda da reunião de hoje, a primeira do ano, dos ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia, que discutirão de forma aprofundada a situação naquele país e na região.

© Francois Lenoir / Reuters

Numa reunião na qual Portugal estará representado pela secretária de Estado dos Assuntos Europeus, Margarida Marques, devido à deslocação do ministro Augusto Santos Silva a Cabo Verde , os chefes de diplomacia dos 28, sob a presidência da Alta Representante da UE para a Política Externa, Federica Mogherini, vão fazer um ponto da situação sobre o conflito sírio, também à luz do contexto regional da crescente tensão entre Irão e Arábia Saudita, indicaram fontes europeias.

A necessidade de prosseguir os esforços diplomáticos com vista a uma solução pacífica, questão humanitária e o combate ao autoproclamado Estado Islâmico, ou Daesh, serão alguns dos assuntos discutidos

O Iraque e a Ucrânia completam a agenda do encontro de hoje.

Lusa

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Presidente do Brasil formalmente acusado de corrupção

    Mundo

    O Procurador-Geral da República do Brasil apresentou na noite de segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal uma denúncia contra o Presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) pelo crime de corrupção passiva.

  • Reconquista de Mossul ao Daesh pode estar para breve
    1:27
  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.