sicnot

Perfil

Mundo

"Find my Phone" leva utilizadores a esta casa... por engano

A aplicação "Find my Phone" está a enviar os utilizadores, que têm em comum o telemóvel desaparecido, para esta casa, em Atlanta, nos Estados Unidos, de acordo com alguma imprensa de novas tecnologias. Quem lá vive diz tratar-se de um engano.

Fusion

É um verdadeiro mistério e uma verdadeira dor de cabeça para o casal que vive nesta casa em Atlanta, nos Estados Unidos.

Contam a Fusion e a Arstechnica que Christina Lee e Michael Saba começaram a receber visitas de gente, com cara de poucos amigos, a insistir que os seus telefones, desaparecidos, estavam naquela habitação.

Um agente da polícia local chegou mesmo arrombar a porta da casa, aproveitando a ausência do casal, para procurar uma adolescente que estava desaparecida e cujo registo telefónico apontava para aquela residência.

O problema é a aplicação "Find my Phone" que promete, aos utilizadores, encontrar o telemóvel desaparecido. O sinal vem sempre dar a esta casa, em Atlanta.

Ao que parece, o problema não tem, para já, solução. O casal já apresentou queixa na polícia mas não se livra de receber visitas inesperadas.

Um especialista em segurança, contactado pela arstechnica admite tratar-se de um problema com torre de triangulação.

  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.