sicnot

Perfil

Mundo

Tiros ouvidos num hospital militar em San Diego não fizeram vítimas

Os disparos ouvidos hoje num hospital militar em San Diego, na Califórnia, não causaram vítimas e não foi possível detetar o seu autor, revelou fonte militar com base numa primeira verificação ao edifício onde se escutaram os tiros.

© Mike Blake / Reuters

De acordo com um porta-voz da Marinha dos EUA, agentes da polícia acompanhados de cães treinados para este tipo de intervenções procederam "a uma busca inicial e nada encontraram".

O comandante da marinha para o sudoeste dos Estados Unidos havia dito que, segundo informações "de uma única testemunha, às 08:00 da manhã (16:00 em Lisboa), três tiros foram ouvidos no edifício 26" do hospital da Marinha dos EUA, o designado Centro Médico Naval, que na sua página na rede social Facebook aconselhou os seus funcionários "a fugir, a esconder-se ou a tentar dominar o atirador".

A cidade de San Diego alberga muitas instalações militares e o hospital em causa está localizado no parque Balboa, a cerca de 10 quilómetros da base naval.

Desde um tiroteio em 2013 nos escritórios da Marinha no centro da capital, Washington, que causou 12 mortos, meia-dúzia de tiroteios em bases daquela ramo das forças armadas ocorrem a cada ano, segundo o jornal Navy Times.

A mais recente situação deste género na Califórnia teve lugar a 02 de dezembro em San Bernardino, tendo causado a morte a 14 pessoas, naquilo que as autoridades descreveram como um ato terrorista de um casal radical, que abriu fogo num almoço de Natal para funcionários dos serviços de saúde locais.

Lusa

  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • "Tudo o que o Benfica está a fazer é uma forma de coação"
    1:59
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    As queixas do Benfica contra a Federação Portuguesa de Futebol e a Liga foram tema de debate no Play-Off da SIC Notícias. Rodolfo Reis, Manuel Fernandes e Rui Santos acreditam que a posição está relacionada com o clássico Benfica-Porto do próximo sábado. Já João Alves considera que estes comunicados podem prejudicar o Benfica.

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41
  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.