sicnot

Perfil

Mundo

Vala comum de vítimas do Daesh encontrada no Iraque

As forças de segurança iraquianas encontraram uma vala comum em Ramadi, com os corpos de pelo menos 18 vítimas do grupo extremista autodenominado Estado Islâmico (EI), disse hoje a polícia.

Arquivo

Arquivo

© Ahmed Jadallah / Reuters

"Até agora, encontrámos 18 corpos, incluindo os de cinco membros da polícia, e os trabalhos continuam para desenterrar os restantes corpos", afimrou o major Tareq Abdulkarim.

A vala comum em Al-Jamiya, na zona central de Ramadi, encontrada na segunda-feira, "deve conter os corpos de 40 vítimas", acrescentou.

Ramadi foi reconquistada no final do mês passado ao EI, que ocupou grandes áreas no Iraque em 2014, onde efetuou repetidamente homicídios em massa e outras atrocidades.

Abdulkarim disse que as vítimas eram de Ramadi e foram executadas pelo EI em maio passado, quando os 'jihadistas' invadiram a cidade.

O chefe do conselho da província de Anbar, Sabah Karhut, confirmou a descoberta da vala comum e afirmou que as vítimas tinham sido mortas a tiro ou decapitadas.

O EI tem ocupado, desde 2014, diferentes zonas de Ramadi, capital de Anbar, mas só conseguiu tomar toda a cidade em maio passado.

As forças iraquianas reconquistaram Ramadi após meses de combates, durante os quais os arredores foram tomados aos 'jihadistas', permitindo chegar ao centro da cidade.

Desde 2014, altura em que ocupou a maior zona territorial, o EI sofreu grandes perdas, mas ainda controla áreas significativas de Anbar e da província de Nineveh, a norte, bem como na vizinha Síria.

Lusa

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.