sicnot

Perfil

Mundo

Vírus Zika ameaça Carnaval no Brasil

Vírus Zika ameaça Carnaval no Brasil

A Organização Mundial de Saúde lançou um alerta para o risco do vírus Zika se espalhar pelo continente americano. No Brasil, por seu lado, as autoridades estão preocupadas com o impacto que a infeção pode ter na época de Carnaval que se aproxima.

Entretanto, o Brasil mobilizou mais de 200 mil tropas para os esforços de erradicação "porta a porta" dos mosquitos que transportam o vírus Zika, responsável por causar malformações em fetos, avança a imprensa local.

Os soldados vão deslocar-se às casas de brasileiros em todo o país, distribuindo panfletos e oferecendo conselhos, disse o ministro da Saúde, Marcelo Castro, citado pelo jornal O Globo.

Segundo Castro, o Governo, sob grande pressão para lidar com a crise do vírus Zika, vai também disponibilizar repelente a pelo menos 400 mil grávidas que recebem apoios sociais.

Suspeita-se que o virus Zika cause graves deficiências congénitas em recém-nascidos, incluindo microcefalia, em que os filhos de mulheres infetadas durante a gravidez nascem com cabeças demasiado pequenas.

Um pico de casos na América Latina, particularmente no Brasil, já levou os Estados Unidos e outros países a desaconselharem as grávidas a viajarem para a região, uma recomendação que pode ser lesiva ao Brasil, que se prepara para receber os Jogos Olímpicos em agosto.

O vírus Zika não é transmitido entre humanos e a maioria dos que são infetados recupera dos sintomas, semelhantes aos da gripe, em cerca de uma semana.

O risco é, no entanto, elevado para grávidas e para os seus fetos -- o quadro é agravado pela extrema dificuldade de evitar o contacto com mosquitos em países tropicais.

O Brasil já registou 3.893 casos de microcefalia desde outubro passado. Antes deste surto, a média anual no país era de 160 casos.

Com Lusa

  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • George H. Bush nos cuidados intensivos e mulher também hospitalizada

    Mundo

    O antigo Presidente dos Estados Unidos da América e a sua mulher estão hospitalizados em Houston, no Texas. George H. W. Bush foi admitido no sábado, devido a um problema respiratório derivado de pneumonia, enquanto Barbara Bush entrou esta quarta-feira no hospital, por sintomas de fadiga e tosse.

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..