sicnot

Perfil

Mundo

António Guterres vai ser homenageado por Universidade do Canadá

O ex-primeiro-ministro português António Guterres vai ser homenageado na sexta-feira pela Universidade de Carleton, em Otava, no Canadá, pelo seu papel na "proteção dos refugiados", anunciou hoje a instituição.

António Guterres

António Guterres

© Denis Balibouse / Reuters

"A Universidade de Carleton vai atribuir, no dia 29 de janeiro um grau honorário a António Guterres, que foi durante uma década alto comissário das Nações Unidas para os Refugiados", refere a instituição, num comunicado enviado à agência Lusa.

Segundo a mesma nota, será atribuído ao ex-primeiro-ministro o grau "Doutor Honoris Causa" num "reconhecimento à sua liderança na proteção dos refugiados em termos globais".

A cerimónia tem lugar pelas 15:00 locais (20:00 em Lisboa) de sexta-feira, na Senate Chamber da Universidade de Carleton, em Otava.

Antes, pelas 9:15 (14:15 de Lisboa), António Guterres vai participar no "Fórum Otava 2016", num painel com o tema "Pessoas Deslocadas e o seu Efeito na Estabilidade Global", uma iniciativa do Centro de Estudos Internacionais da Universidade de Otava e da organização não governamental Canadá 2020.

A assembleia-geral das Nações Unidas elegeu António Guterres, em maio de 2015, como alto comissário para os Refugiados, liderando uma das maiores organizações mundiais, com nove mil elementos na sua equipa, em 123 países, dando assistência a cerca de 46 milhões de refugiados, repatriados, deslocados e apátridos.

António Guterres cessou funções como alto comissário das Nações Unidas para os Refugiados em dezembro de 2015.

Na semana passada, o Governo português anunciou que vai apresentar a candidatura de António Guterres a secretário-geral das Nações Unidas, sublinhando que se trata de "um imperativo".

Na quarta-feira, a Presidência da República anunciou que o ex-primeiro-ministro será condecorado com a Grã-Cuz da Ordem da Liberdade, cerimónia que se vai realizar na terça-feira, no Palácio de Belém, em Lisboa.

Depois de cessar funções como primeiro-ministro, António Guterres foi condecorado pelo então Presidente da República Jorge Sampaio com a Grã-Cruz da Ordem de Cristo.

Lusa

  • Descobertos fósseis que podem provar existência de vida em Marte

    Mundo

    Fósseis com 3,77 mil milhões de anos, dos mais antigos já descobertos, foram identificados por cientistas de vários países na província do Quebec, no leste do Canadá. As descobertas coincidem no tempo com a altura em que Marte e a Terra tinham água líquida à superfície, o que levanta questões sobre a hipótese de vida extraterrestre.

  • As polémicas declarações de João Braga sobre os Óscares

    País

    A Associação SOS Racismo reagiu esta quarta-feira às palavras do fadista João Braga na sua página no Facebook, sobre a cerimónia de entrega dos Óscares, e disse esperar que a Comissão para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial atue de forma exemplar face.

  • "Apelamos ao debate e somos criticados? Então m...."
    0:52
  • Oprah admite candidatar-se à Presidência dos EUA

    Mundo

    A apresentadora norte-americana Oprah Winfrey admitiu, numa entrevista, que a vitória de Donald Trump nas eleições presidenciais de novembro a fez considerar a possibilidade de entrar na corrida à Casa Branca.

  • Temperaturas recorde no "último lugar da Terra"

    Mundo

    A Organização Meteorológica Mundial (OMM) anunciou esta quarta-feira que se registaram nos últimos 37 anos temperaturas altas recorde na Antártida, num local que foi descrito como "o último lugar da Terra".