sicnot

Perfil

Mundo

Malala apela a líderes mundiais a ajudarem na educação das crianças sírias

A ativista paquistanesa Malala Yousafzai, Nobel da Paz, lançou uma petição pública a apelar aos líderes mundiais que se comprometam a doar mais de mil milhões de euros para programas educativos na Síria.

© Norsk Telegrambyra AS / Reute

A petição pública, que soma mais de 70.000 assinaturas, tem um apelo dirigido aos políticos que na próxima semana se vão reunir em Londres na conferência de doadores para as vítimas da guerra na Síria.

Malala quer que "todas as crianças sírias afetadas pelo conflito consigam ter acesso à educação".

Reino Unido, Alemanha e Noruega, com a Organização das Nações Unidas e o Kuwait, estão na organização desta conferência de doadores, marcada para 04 de fevereiro.

O objetivo é discutir como é se poderá fazer chegar ajuda a 13,5 milhões de pessoas em situação vulnerável na Síria e a 4,2 milhões de sírios que se refugiaram em países próximos, como a Jordânia, o Líbano e a Turquia.

Este país já registou a presença de 2,5 milhões de sírios a residirem em território turco.

Lusa

  • Captura ilegal de cavalos-marinhos na Ria Formosa
    3:02

    País

    Há cada vez menos cavalos marinhos na Ria Formosa. Cientistas da Universidade do Algarve dizem que a maior população desta espécie no mundo, que é a que existe na Ria Formosa, está ameaçada devido à captura ilegal para o mercado asiático. Dizem que, se nada for feito para travar este fenómeno, esta espécie protegida pode desaparecer em poucos anos.