sicnot

Perfil

Mundo

Líder do PSOE "aceita solenemente" convite do Rei de Espanha para formar Governo

O secretário-geral do PSOE, Pedro Sánchez, anunciou hoje que aceitou o convite do Rei de Espanha para formar Governo e "tirar o país" da situação de bloqueio mais de 40 dias após as eleições gerais.

Líder do PSOE, Pedro Sánchez (Reuters)

Líder do PSOE, Pedro Sánchez (Reuters)

© Sergio Perez / Reuters

"Agradeço a confiança depositada em mim e no grupo parlamentar do PSOE pelo chefe de Estado [Felipe VI] e anuncio solenemente que vamos assumir essa responsabilidade e vamos tentar formar governo", disse Sánchez numa conferência de imprensa no Congresso dos Deputados (parlamento espanhol).

Para Sánchez, o PSOE "assume a sua responsabilidade para com Espanha, para que os espanhóis tenham um governo após mais de 40 dias decorridos desde as eleições gerais [a 20 de dezembro]".

O PSOE conseguiu 90 deputados nas eleições gerais, atrás dos 123 do PP de Mariano Rajoy, pelo que terá de fazer acordos com mais de um partido. O Podemos (69 deputados) já lhe propôs formar um governo de coligação (juntamente com os comunistas da Izquierda Unida), mas ainda assim Pedro Sánchez e o PSOE precisariam de apoios adicionais para contrariar o mais que certo voto contra do PP.

O PSOE pretende governar sozinho, mas contando com apoios parlamentares à esquerda (Podemos e Izquierda Unida, entre outros) e à direita (Ciudadanos, centro-direita). No entanto, o Podemos rejeita entrar num Governo com o Ciudadanos, e o Ciudadanos (40 deputados) rejeita apoiar o Podemos.

Sánchez acrescentou que vai iniciar de imediato as negociações para tentar formar governo, mas respeitando sempre a soberania de Espanha. O Podemos defendeu e tem defendido um referendo sobre a independência na Catalunha. Outras forças, nomeadamente as catalãs, defendem a resolução rumo a uma declaração de soberania adotada pelo parlamento catalão.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura durante a noite. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vitima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.