sicnot

Perfil

Mundo

Canadá vai recorrer a bases militares para alojar refugiados sírios

O Governo do Canadá, país que vai acolher cerca de 10 mil refugiados sírios até ao fim do mês, tenciona recorrer a bases militares para alojar alguns, devido à falta de alojamento, afirmou esta quarta-feira o ministro da Imigração.

© Darrin Zammit Lupi / Reuters

Eleitos em outubro, os liberais do primeiro-ministro Justin Trudeau comprometeram-se em acolher 25 mil refugiados sírios antes do natal, mas adiaram este prazo para o final de fevereiro, perante as dificuldades logísticas e as exigências de segurança.

Desde 4 de novembro passado, quando começou uma ponte aérea com os campos de refugiados no Líbano e Jordânia, já chegaram ao país 15.685 sírios e os dossiers de outros seis mil já foram aprovados pelas autoridades federais, declarou o ministro John McCallum.

Lusa

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20

    País

    Dois jovens com cerca de 20 anos foram ao final da tarde deste sábado atropelados mortalmente na freguesia de Arazede, concelho de Montemor-o-Velho. O repórter da SIC Miguel Ângelo Marques falou com o segundo comandante dos Bombeiros Voluntários de Montemor-o-Velho, Rui Coceiro, que revelou que as vítimas foram declaradas mortas ainda no local.

  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07