sicnot

Perfil

Mundo

Explosão em voo na Somália abre buraco em avião mas não faz vítimas

Um avião de uma companhia aérea da Somália aterrou de emergência em Mogadiscio depois de uma explosão de origem desconhecida ter aberto um buraco na parte lateral da fuselagem, pouco após a descolagem, informou hoje a polícia.

Conta Twitter Harun Maruf

Conta Twitter Harun Maruf

A aeronave, operada pela Daalo Airlines, que partiu de Mogadíscio com destino a Djibouti com cerca de 60 passageiros a bordo, aterrou em segurança e não há registo de vítimas.

"O avião de passageiros fez uma aterragem de emergência pouco depois de levantar voo na terça-feira, e havia danos num dos lados do aparelho sobre a asa direita", indicou Mohamed Ise, da polícia, dando conta de que decorrem investigações para apurar a causa da explosão, seguida de incêndio.

Fotografias mostram um buraco com cerca de um metro de diâmetro na parte lateral do avião imediamente acima dos motores

  • Carro do suspeito de rapto de Maelys fotografado por radar a alta velocidade
    1:16

    Mundo

    Praticamente um mês depois do desaparecimento de Maelys de Araújo, as autoridades francesas continuam a fazer buscas para tentar encontrar a menina lusodescendetnte de 9 anos. Entretanto, um jornal francês revelou que o carro do homem suspeito de rapto terá sido fotografado, por um radar, a alta velocidade na noite do desparecimento.

  • 950 militares cercam a Rocinha, no Rio de Janeiro
    2:36
  • Terra volta a termer no México

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6,2, na escala de Richter, foi registado às 05h30, hora local, 23h30, em Lisboa. Até ao momento não há registo de vítimas ou danos materiais.

  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04

    Mundo

    O Presidente francês volta hoje a ser alvo de manifestações contra a reforma laboral. Os protestos foram organizados por Jean Luc Melenchon, o candidato da extrema-esquerda que concorreu contra Macron.

  • Icebergue com 5.800 quilómetros quadrados está a deslocar-se na Antártida

    Mundo

    Um icebergue gigante está a deslocar-se na Antártida em direção ao mar de Weddell segundo as imagens de satélite reveladas. Trata-se do A68, um icebergue quatro vezes maior que a cidade de Londres. Com cerca de 5.800 quilómetros quadrados e triliões de toneladas, A68 é um dos maiores icebergues conhecidos.