sicnot

Perfil

Mundo

Piloto diz que explosão em voo da Somália foi provocada por bomba

A explosão que abriu um buraco na fuselagem de um avião comercial somali obrigando-o a aterrar de emergência em Mogadíscio na terça-feira foi potencialmente causada por uma bomba a bordo, segundo declarações do piloto divulgadas hoje.

Conta Twitter Harun Maruf

O avião, da empresa somali Daallo Airlines e que se dirigia a Djibouti com 74 passageiros, aterrou de emergência alguns minutos após a descolagem do aeroporto de Mogadíscio com um buraco na fuselagem. Dois passageiros ficaram ligeiramente feridos, de acordo com a polícia.

O piloto do Airbus 321, Vladimir Vodopivec, um sérvio de 64 anos, disse a um amigo que, na sua opinião, a explosão que danificou a fuselagem do interior da cabine para o exterior foi causada por uma "bomba", segundo declarações divulgadas pelo diário sérvio Blic.

Imagens do avião mostram um buraco com cerca de um metro de diâmetro acima dos motores situados sob a asa direita.

Vodopivec disse ainda que a explosão não danificou o sistema de navegação e que, apesar da perda de pressurização da cabine, conseguiu aterrar o avião.

Mohamed Ise, da polícia somali, referiu hoje que a causa da explosão no avião ainda não foi determinada e que está em curso um inquérito.

O aeroporto de Mogadíscio tornou-se uma "fortaleza" após a instalação ao lado da principal base da força da União Africana na Somália (AMISON), com 22.000 efetivos e que ajuda o frágil governo somali a combater os islamitas radicais 'shebab'.

Os 'shebab' não fizeram até agora qualquer reivindicação relativa ao incidente com o avião.

Lusa

  • Divorciados vão poder dividir filhos no IRS 

    Economia

    Os divorciados vão passar a poder dividir os filhos no IRS (imposto sobre o rendimento singular) e o Governo está a estudar soluções para que em 2018 haja um novo sistema para lidar com a guarda conjunta de filhos.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.