sicnot

Perfil

Mundo

Conferência de doadores para a Síria angariou mais de 9 mil milhões de euros

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, anunciou hoje que os países reunidos em Londres numa conferência de doadores para a Síria prometeram mais de 10 mil milhões de dólares (nove mil milhões de euros) de ajuda humanitária até 2020.

© Abdalrhman Ismail / Reuters

É "a mais elevada verba alguma vez reunida em resposta a uma crise humanitária", disse Cameron em conferência de imprensa.

"Os resultados de hoje não são uma solução para a crise - ainda é precisa uma transição política - mas, com os compromissos assumidos, a nossa mensagem para o povo sírio e da região é clara: vamos estar ao vosso lado e apoiar-vos o tempo que for preciso".

Mais de 70 dirigentes mundiais participaram na conferência de Londres.

Portugal esteve representado pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, que anunciou uma contribuição de 25 milhões de euros em dois anos.

A guerra na Síria, iniciada em março de 2011, já fez mais de 260.000 mortos, 13 milhões de deslocados internos e 4,6 milhões de refugiados, a maioria deles acolhidos nos países vizinhos -- Turquia, Jordânia, Líbano e Iraque.

Lusa

  • Um pedido de desculpas aos portugueses e um ultimato ao Governo
    3:21
  • Vouzela tenta regressar à normalidade, 8 pessoas morreram no concelho
    2:28

    País

    No concelho de Vouzela, a população começa a voltar à normalidade. Aos poucos a luz e a água estão a voltar e as pessoas começam a ganhar forças para reconstruir aquilo que lhes foi tirado pelos fogos. No entanto, as feridas demoram a sarar e não será fácil esquecer que 80 a 90 por cento deste concelho foi destruído pelos incêndios e oito pessoas morreram.

  • Material de guerra de Tancos encontrado, faltam munições
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • Madrid admite suspender autonomia da Catalunha
    1:51
  • Alemanha já tem uma versão de Donald Trump... em cera
    1:08