sicnot

Perfil

Mundo

Passageiro desaparecido do voo que sofreu explosão na Somália

A companhia aérea Daallo divulgou hoje que uma pessoa que consta da lista de passageiros que estavam a bordo do avião que sofreu uma explosão na terça-feira e aterrou de emergência, em Mogadíscio, está desaparecida.

© Feisal Omar / Reuters

"Todos os passageiros, exceto um, desembarcaram sãos e salvos", após o retorno do aparelho ao aeroporto da capital da Somália, anunciou a Daallo num comunicado, precisando que "uma investigação está em curso para determinar a causa desse desaparecimento".

O avião, da empresa somali Daallo Airlines e que se dirigia a Djibouti com 74 passageiros, aterrou de emergência alguns minutos após a descolagem do aeroporto de Mogadíscio com um buraco na fuselagem.

O piloto e especialistas em aviação acreditam que um engenho explosivo foi a causa provável do incidente.

A explosão provocou um buraco de um metro de diâmetro na fuselagem do avião A321, que opera principalmente no Corno de África e em alguns países do Golfo Pérsico.

Não se sabe se o passageiro desaparecido ia a bordo do avião e foi sugado para fora da aeronave devido à explosão ou se houve um erro na lista de passageiros.

"Dois passageiros ficaram com ferimentos leves e foram transportados ao hospital para receberem tratamento médico", precisou a companhia.

O Governo da Somália, sem esperar pelos resultados da investigação, indicou que um problema de pressurização deve estar na origem da explosão.

Lusa

  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Sondagem prevê vitória de Basílio em Sintra e de Bernardino em Loures
    3:03
  • Menina mexicana encontrada viva sob os escombros nunca existiu
    2:24

    Mundo

    As autoridades mexicanas desmentiram a existência de uma menina de 12 anos sob os escombros da escola da capital. Frida Sofia afinal não existe e ainda ninguém assumiu quem fez circular a notícia. O sismo de magnitude 7,1 fez mais de 290 mortos e mais de 40 pessoas continuam desaparecidas.