sicnot

Perfil

Mundo

Autoridades indianas dizem que homem morreu devido a queda de meteorito

As autoridades indianas dizem que um homem morreu e três outras pessoas ficaram feridas na sequência da queda de um meteorito, o que, a confirmar-se, seria a primeira morte deste tipo na história

No entanto, especialistas indicaram que é possível haver outras explicações para o incidente, que ocorreu no sábado no estado de Tamil Nadu (sul).

O objeto matou o condutor de um autocarro que estava a passar na altura da queda, cujo impacto deixou uma grande cratera no chão e destruiu montras de vidro num edifício próximo.

Imagens de meios de comunicação local mostram uma pedra de tom azulado, que o ministro de Tamil Nadu, Jayalalithaa Jayaram descreveu como um meteorito, mas cientistas dizem que isso ainda não foi provado.

"Um meteorito caiu numa escola de engenharia privada e retirou a vida a um condutor de autocarro", afirmou o ministro, numa declaração em que expressou choque pelo ocorrido.

S. P. Rajaguru, professor assistente no Instituto Indiano de Astrofísica, em Bangalore, admitiu que a pedra pode ser um meteorito, mas indicou que é necessário realizar mais testes.

Caso se comprove, tratar-se-á da primeira morte de uma pessoa causada por um meteorito, disse o professor.

"A maioria dos meteoros nunca atingem a superfície da Terra, porque eles pulverizam-se completamente na atmosfera", disse o especialista à agência francesa AFP, por telefone.

"Atingir a superfície da Terra é muito raro e não há registos de mortes", acrescentou.

Os meteoros são partículas de poeiras e pedras que geralmente se incendeiam ao passarem pela atmosfera da Terra. Aqueles que não se destroem por completo, superando a queda até à Terra, são designados como meteoritos.

Lusa

  • Sérgio Conceição no radar do FC Porto

    Desporto

    O treinador português e os seus representantes têm marcada para esta sexta-feira uma reunião decisiva com o FC Porto. Sérgio Conceição poderá ser o sucessor de Nuno Espírito Santo no comando técnico dos dragões.

  • Morreu José Manuel Castello-Lopes

    Cultura

    O empresário de cinema morreu esta quinta-feira aos 86 anos. A notícia da morte foi avançada hoje pela Academia Portuguesa de Cinema na sua página de Facebook.

  • Grupo armado mata 28 cristãos no Egito
    1:03
  • PSD quer criar taxa sobre a Uber e Cabify
    1:21

    Economia

    O PSD quer criar uma taxa sobre a Uber e Cabify para regulamentar as plataformas de transporte. A proposta deu entrada esta sexta-feira, no Parlamento, e procura ser uma alternativa ao projeto lei do Governo para o setor.

  • Médico português a caminho de Mossul
    3:01

    País

    Um médico português vai partir para o Iraque, no final do mês, para integrar uma equipa dos Médicos Sem Fronteiras. Gustavo Carona vai para Mossul, uma cidade bastião dos jihadistas, que tem sido palco de uma violenta guerra entre o Daesh e as forças iraquianas.

  • Filho de Eduardo dos Santos gasta 500 mil euros em relógio

    Mundo

    Desta vez não é Isabel dos Santos que dá que falar, mas sim um outro filho do Presidente de Angola. Danilo dos Santos arrematou um relógio por 500 mil euros, num leilão em Cannes. O momento foi partilhado através de um vídeo no Instagram, no qual aparece o ator Will Smith a comentar que o jovem "parece demasiado novo para ter 500 mil euros".

  • O "chega p'ra lá" de Trump
    2:35
  • A promessa e a peregrinação do Presidente no Luxemburgo
    2:28

    País

    O Presidente da República promete voltar ao Luxemburgo até ao final do ano, se houver mais 10 mil portugueses recenseados até julho. Marcelo Rebelo de Sousa participou esta quinta-feira na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, que todos os anos recebe milhares de emigrantes portugueses.

    Enviados SIC