sicnot

Perfil

Mundo

Ataques espontâneos de tubarões atingem nível recorde

Os ataques espontâneos de tubarões atingiram um nível recorde no ano passado e os especialistas prevêem que o número continue a aumentar, embora a população de tubarões esteja a diminuir devido à pesca e à perda de habitat.

© David Gray / Reuters

Os especialistas do Museu Nacional de História da Flórida afirmam que existiram 98 ataques do género por todo o Mundo em 2015, seis dos quais foram mesmo fatais. O recorde anual anterior era do ano 2000, com 88 ataques, segundo a Sky News.

Dos seis ataques fatais do ano passado dois aconteceram na costa da Ilha Reunião, no Oceano Índico; os outros ocorreram na da Austrália, Egito, Nova Caledónia e Estados Unidos.

São precisamente os Estados Unidos que lideram os ataques mundiais com um registo de 59, incluindo os da Flórida, oito em cada uma das Carolinas e sete no Havai. A Califórnia e o Texas contam dois ataques e Nova Iorque e Mississipi têm um cada.

A Austrália e a África do Sul seguem-se com 18 e oito ataques, respetivamente.

  • Resgate de mais de 300 migrantes no Mediterrâneo
    2:08
  • 10 Minutos com Eurico Reis
    11:20

    10 Minutos

    Há quatro meses que Portugal é um dos poucos países europeus onde é possível recorrer à gestação de substituição. E há já um casal que teve luz verde para começar os tratamentos. Para um balanço, foi nosso convidado Eurico Reis, juiz desembargador e presidente do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida, a entidade que autoriza os processos de gestação de substituição.

    Entrevista completa

  • Parlamento discute utilização de animais no circo
    2:01