sicnot

Perfil

Mundo

Bactérias "vêem" como miniolho humano

Um grupo de cientistas descobriu como é que uma bactéria microscópica reage à luz e se movimenta em direção a ela - o microorganismo age como se fosse um "miniolho humano".

Sinclair Stammers/Science Photo Library

Apesar de ter apenas 3 micrómetros (0,003mm) de diâmetro, a bactéria em estudo usa os mesmos princípios físicos que uma câmara ou que o olho humano. É talvez, dizem os cientistas, a "lente" mais antiga e mais pequena do mundo.

As cianobactérias, entre elas a Synechocystis usada no estudo, são uma forma de vida abundante de muito antiga. Vivem na água e obtêm energia através da fotossíntese - daí gostarem da luz.

"As cianobactérias têm 2,7 mil milhões de anos, são mais velhas que qualquer olho animal. Presumivelmente, este mecanismo existe há muito tempo", explica Gaspar Jekely, um dos investigadores.

A investigação vem descrita na revista eLife e foi feita entre vários biólogos - do Reino Unido, Alemanha e até de Portugal. Os investigadores dizem que a descoberta aplicar-se-á também a várias outras espécies de bactérias.

  • A semana em revista

    Mundo

    Com a semana a chegar ao fim, a SIC Notícias apresenta-lhe, num único artigo, os destaques que marcaram a atualidade nos últimos dias. Um espaço onde pode ficar a saber, ou simplesmente recordar, os temas que marcaram a semana noticiosa.

    André de Jesus

  • Registadas mais de 500 queimadas em 12 horas

    País

    A Proteção Civil registou esta sexta-feira, no distrito de Viana do Castelo, entre as 06:00 e as 18:00, 515 queimadas, mais cerca de uma centena das contabilizadas na quinta-feira, sendo que três terão dado origem a incêndios florestais.