sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte pode voltar a produzir plutónio, diz relatório da CIA

A Coreia do Norte pode retomar a produção de plutónio no complexo nuclear de Yongbyon nas próximas semanas ou meses, afirmou o diretor dos serviços de informações dos Estados Unidos, James Clapper.

Central nuclear de Yongbyon fotografada em 2013.

Central nuclear de Yongbyon fotografada em 2013.

© KYODO Kyodo / Reuters

No relatório anual sobre as ameaças globais, publicado hoje, o responsável considera que o reator nuclear de Yongbyon está operacional há tempo suficiente para iniciar a produzir plutónio "dentro de algumas semanas ou meses".

A 15 de setembro, a Coreia do Norte anunciou que começou novamente a operar o reator nuclear de Yongbyon, considerado a principal fonte de plutónio do regime de Kim Jong-un para abastecer o seu programa de desenvolvimento de armas nucleares.

"Todas as instalações nucleares em Yongbyon, incluindo a central de enriquecimento de urânio e o reator moderado a grafite de cinco megawatts, foram reorganizadas, alteradas ou reajustadas e já começaram a operar com normalidade", anunciou então o diretor do Instituto de Energia Atómica norte-coreano, num comunicado transmitido pela agência estatal KCNA.

Na altura, a Presidência dos EUA apelou aos dirigentes da Coreia do Norte para que evitem "provocações irresponsáveis", depois do reinício do funcionamento de um reator considerado a sua principal fonte de plutónio com qualidade militar.

Lusa

  • Captura ilegal de cavalos-marinhos na Ria Formosa
    3:02

    País

    Há cada vez menos cavalos marinhos na Ria Formosa. Cientistas da Universidade do Algarve dizem que a maior população desta espécie no mundo, que é a que existe na Ria Formosa, está ameaçada devido à captura ilegal para o mercado asiático. Dizem que, se nada for feito para travar este fenómeno, esta espécie protegida pode desaparecer em poucos anos.