sicnot

Perfil

Mundo

FARC comprometem-se a acabar com recrutamento de crianças-soldado

Os guerrilheiros das FARC comprometeram-se, na quarta-feira, a acabar com o recrutamento de crianças-soldado, numa nova tentativa para fechar o acordo de paz que pretende pôr fim a um conflito de meio século na Colômbia.

© Ho New / Reuters

Durante as negociações, que decorrem em Cuba, as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia já tinham prometido travar o recrutamento de combatentes com menos de 17 anos, mas o Governo colombiano considerou que a proposta não tinha a extensão necessária.

As autoridades internacionais e grupos de defesa dos direitos humanos definem que qualquer membro de uma força armada com menos de 18 anos é uma criança-soldado.

"De modo a avançar o mais rapidamente possível para o fim do conflito armado, comunicamos hoje [quarta-feira] ao país a nossa decisão de terminar o recrutamento daqueles que têm menos de 18 anos para as FARC", disse uma das negociadoras do grupo, Victoria Sandino, lendo um comunicado.

A notícia foi saudada pelo coordenador residente das Nações Unidas na Colômbia, Fabrizio Hochschild: "Isto leva-nos um passo mais perto do fim do conflito. Esperamos que as discussões em Havana continuem de modo a que raparigas e rapazes menores estejam fora das fileiras das FARC o mais rapidamente possível".

Os dois lados prometeram assinar um acordo de paz a 23 de março, terminando cinco décadas de conflito que levaram à morte de 220 mil pessoas.

Lusa

  • Costa desvaloriza ameaça e mantém planos de visita a Angola
    2:27

    Economia

    O governo angolano reagiu duramente à acusação do Ministério público portugues contra o vice-presidente de Angola. Luanda diz que a acusação é um sério ataque à República de Angola que pode perturbar as relações entre os dois paises. António Costa desvaloriza a ameaça e mantém os planos de uma visita a Angola na primavera.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.