sicnot

Perfil

Mundo

Motim em prisão mexicana faz pelo menos 52 mortos

Em desenvolvimento

Pelo menos 52 pessoas morreram e 12 estão feridas na sequência de um motim hoje na prisão mexicana de Topo Chico, em Monterrey, no estado de Nuevo Leon, no norte do país.

© Daniel Becerril / Reuters

Até ao momento, as autoridades locais não conseguiram confirmar o número exato de mortos e de feridos.

Entre as vítimas constam prisioneiros e funcionários daquele estabelecimento prisional.

Uma tentativa de fuga estará na origem do motim, segundo as informações preliminares do incidente.

A situação agravou-se quando um grupo de presos provocou um incêndio para distrair os guardas prisionais e permitir desta forma a fuga de outros reclusos.

Os media locais asseguraram que vários presos conseguiram fugir do estabelecimento prisional. O número exato dos fugitivos ainda é desconhecido.

O motim começou durante a madrugada na prisão de Topo Chico, a mais antiga do estado de Nuevo Leon, e, três horas depois, as autoridades tentaram controlar os incidentes com o envio de um forte contingente de segurança, que incluiu membros do exército e forças policiais nacionais e locais.

Segundo vários testemunhos citados pela imprensa local, no exterior do estabelecimento prisional foram ouvidas explosões e os gritos dos detidos.

As mesmas testemunhas relataram que as forças de segurança cercaram o recinto e cortaram os acessos, de forma a evitar uma fuga em massa de prisioneiros.

Com Lusa

  • Debate quinzenal no Parlamento: veja em direto e comente

    País

    As políticas de descentralização foram o tema escolhido pelo Governo para o debate quinzenal, mas a situação na Caixa Geral de Depósitos também deve marcar os trabalhos na Assembleia da República. Acompanhe aqui a discussão e participe no Minuto a Minuto SIC/Parlamento Global.

    Direto

  • Cerca de 100 mortos e dezenas de desaparecidos após sismo na Indonésia
    1:24
  • Centro Hospitalar do Algarve deverá ser extinto em 2017
    2:10

    País

    O Centro Hospitalar do Algarve deverá ser extinto no próximo ano e depois da separação dos hospitais de Faro, Portimão e Lagos. Faro deverá passar a hospital universitário. A proposta da Administração Regional de Saúde deverá ser confirmada dentro de dias pelo ministro da Saúde.

  • As camisolas de Natal da família real britânica

    Mundo

    O espírito natalício invadiu ontem o Museu Madame Tussauds, em Londres. Foram reveladas as novas figuras de cera da família real britânica - cada membro enverga uma camisola de espírito festivo, com cãezinhos "reais" e "gingerbreadmen" de gosto duvidoso.