sicnot

Perfil

Mundo

Motim em prisão mexicana faz pelo menos 52 mortos

Em atualização

Pelo menos 52 pessoas morreram e 12 estão feridas na sequência de um motim hoje na prisão mexicana de Topo Chico, em Monterrey, no estado de Nuevo Leon, no norte do país.

© Daniel Becerril / Reuters

Até ao momento, as autoridades locais não conseguiram confirmar o número exato de mortos e de feridos.

Entre as vítimas constam prisioneiros e funcionários daquele estabelecimento prisional.

Uma tentativa de fuga estará na origem do motim, segundo as informações preliminares do incidente.

A situação agravou-se quando um grupo de presos provocou um incêndio para distrair os guardas prisionais e permitir desta forma a fuga de outros reclusos.

Os media locais asseguraram que vários presos conseguiram fugir do estabelecimento prisional. O número exato dos fugitivos ainda é desconhecido.

O motim começou durante a madrugada na prisão de Topo Chico, a mais antiga do estado de Nuevo Leon, e, três horas depois, as autoridades tentaram controlar os incidentes com o envio de um forte contingente de segurança, que incluiu membros do exército e forças policiais nacionais e locais.

Segundo vários testemunhos citados pela imprensa local, no exterior do estabelecimento prisional foram ouvidas explosões e os gritos dos detidos.

As mesmas testemunhas relataram que as forças de segurança cercaram o recinto e cortaram os acessos, de forma a evitar uma fuga em massa de prisioneiros.

Com Lusa

  • "Serei o Presidente de todos os angolanos"
    2:06
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Supervisão bancária origina novo diferendo entre Carlos Costa e Governo
    0:57

    Economia

    Reacendeu-se a guerra entre o Governo e o governador do Banco de Portugal. Em conferência na sede do banco, esta segunda-feira, Carlos Costa deixou uma crítica indireta ao novo modelo de supervisão bancária. O ministro das Finanças, Mário Centeno, não gostou e exigiu a Carlos Costa que se retratasse, mas o governador recusou-se.

  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.