sicnot

Perfil

Mundo

Desaparecido de manicómio encontrado 30 anos depois

Um canadiano desaparecido de um hospital psiquiátrico, há 30 anos, na província de Ontario, foi encontrado após lembrar-se da própria identidade.

Pouco tempo depois de Edgar Latulip sofrer uma perda de memória, apanhou um autocarro e passou a viver na região do Niagara. Durante décadas viveu com uma identidade diferente até ao momento em que começou a ter alguns "flashes" de memória.

Ao falar com um assistente social que pesquisou o nome Latulip, descobriu que se tratava de uma pessoa procurada. A confirmação da sua identidade chegou com um teste de ADN.

A mãe, residente em Otava, nem quis acreditar na notícia. Apesar da difícil relação com o filho, disse que quer "vê-lo, falar com ele e ajudá-lo da maneira que puder".

De acordo com o site de pessoas desaparecidas na América do Norte, Latulip possui uma idade mental de 12 anos.

  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.