sicnot

Perfil

Mundo

Papa Francisco e patriarca russo Kiril abraçam-se em encontro histórico

O papa Francisco e o patriarca ortodoxo russo Kiril encontraram-se hoje na sala presidencial do aeroporto de Havana e deram um abraço, naquele que é o primeiro encontro dos líderes das duas Igrejas após o cisma de 1054.

Francisco vinha de Roma, com destino à Cidade do México, e fez escala na ilha caribenha para se encontrar com Kiril, que está em Cuba no âmbito de uma visita à América Latina.

"Foi um encontro muito desejado tanto por mim como pelo meu irmão Cirilo (Kiril)", disse o papa aos jornalistas que o acompanham no voo que o levará à capital mexicana.

Sentados numas cadeiras brancas e com os intérpretes ao lado, os dois líderes religiosos começaram a conversar perante os fotógrafos e as câmaras, ao início sem a ajuda de tradução.

Depois, a imprensa abandonou a sala e a reunião privada começou às 14:30 locais (19:30 de Lisboa), prevendo-se que dure cerca de duas horas.

Após a reunião, vão assinar uma declaração conjunta em russo e italiano e proferirão os respetivos discursos, passando-se em seguida à cerimónia de troca de presentes e de apresentação das delegações.

À chegada a Havana, o papa foi recebido pelo Presidente cubano, Raúl Castro, aos pés da escada do avião que o levará depois ao México. Estiveram também presentes o cardeal Kurt Koch, presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos, e o prelado metropolitano Hilarion, encarregado das relações externas e do diálogo com os católicos do patriarcado, cargo que Kiril ocupou antes de ser eleito chefe da Igreja Ortodoxa Russa.

Lusa

  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Costa confiante no crescimento da economia e das exportações
    1:09

    Economia

    O primeiro-ministro manifestou confiança no crescimento da economia e das exportações. À margem da cerimónia dos 25 anos da Auto Europa em Portugal, António Costa deu vários exemplos de investimento estrangeiro, feito nas últimas semanas no país, e disse que os dados económicos recentes são positivos.

  • Turista italiano assassinado em favela do Rio de Janeiro
    1:01

    Mundo

    Um turista italiano de 52 anos foi assassinado numa favela do Rio de Janeiro, no Brasil, enquanto viajava com um amigo. Após várias horas com o gangue autor do crime, o amigo que se encontrava com a vítima acabou por ser libertado.

  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47