sicnot

Perfil

Mundo

Papa e patriarca ortodoxo concordam em cooperar na defesa do cristianismo

O papa Francisco e o patriarca ortodoxo russo Kiril concordaram esta sexta-feira com a possibilidade de católicos e ortodoxos cooperarem na defesa do cristianismo, depois de um encontro no aeroporto de Cuba.

© POOL New / Reuters

"Os resultados do encontro permitiram assegurar que atualmente as duas igrejas podem cooperar para defender o cristianismo no mundo", afirmou o patriarca da igreja ortodoxa russa.

O Papa Francisco afirmou, por seu lado, que ambos coincidiram que na "unidade se faz o caminho".

Francisco e Kiril realizaram hoje um encontro de cerca de duas horas no salão do protocolo do aeroporto de Havana, o primeiro entre os primados da igreja católica e ortodoxa desde a cisma (dissidência religiosa) de 1054.

"Tivemos uma discussão aberta, com pleno entendimento da responsabilidade das nossas igrejas com o nosso povo, o futuro do cristianismo e o futuro da civilização humana", indicou Kiril, depois de assinar com o papa Francisco uma declaração conjunta.

O patriarca russo disse também que ambos conversaram com "pleno sentido de responsabilidade e intenção de trabalhar em conjunto para terminar com as guerras e para que a vida humana se respeite em todo o mundo".

O papa Francisco referiu que o encontro com o patriarca ortodoxo terminou com uma "série de iniciativa" que considera "viáveis e possíveis de realizar" e agradeceu a "humildade fraterna" de Kiril.

Francisco agradeceu também a Cuba e ao povo cubano pela "disponibilidade ativa".

"Cuba será a capital da unidade", acrescentou o papa, que segue viagem para o México.

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19