sicnot

Perfil

Mundo

Polícia resgata 18 crianças retidas por uma seita na África do Sul

A polícia sul-africana libertou 18 crianças retidas na sede da Igreja da Família Mancoba, uma seita que se declara contra todo o tipo de civilização e proíbe os seguidores de estudar ou trabalhar, informaram meios de comunicação locais.

Arquivo Reuters

As autoridades entraram à força no recinto, localizado em Nyanga, na província sul-africana de Cabo Oriental, depois do fracasso de duas horas de negociações com os líderes da seita.

"As crianças viviam na igreja. Não iam à escola e alguns não tinham certidões de nascimento. Acreditamos que não os deixavam sair", declarou o porta-voz da polícia de Cabo Oriental, Mzukisi Fatyela.

Após meses de investigação às atividades do grupo, a polícia obteve um mandado judicial para retirar as crianças, com idades entre os três e os 13 anos, as quais tinham sido escondidas num compartimento do recinto.

A polícia não informou de qualquer detenção entre os membros da seita, em cujas instalações vivem mais de 200 adultos.

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.