sicnot

Perfil

Mundo

EUA enviam caças furtivos para a Coreia do Sul

Os Estados Unidos destacaram hoje quatro caças F-22 Raptor para a Coreia do Sul, numa nova demonstração de força frente à Coreia do Norte após o ensaio nuclear e de mísseis do regime liderado por Kim Jong-un.

© Michael Fiala / Reuters

Os caças de quinta geração, com tecnologia furtiva, voaram a baixa altitude sobre a base aérea de Osan, a aproximadamente 55 quilómetros a sul de Seul, pouco depois de serem enviados para o país asiático, informou a agência noticiosa sul-coreana Yonhap.

O destacamento dos quatro caças norte-americanos na Coreia do Sul constitui uma ação inusual com a qual, aparentemente, os aliados pretendem dar mostras da sua força após as recentes atitudes da Coreia do Norte.

O regime de Kim Jong-un realizou um ensaio nuclear a 06 de janeiro, e a 07 de fevereiro lançou um satélite espacial, uma ação fortemente contestada por Seul e Washington, que a comunidade internacional censurou, considerando-o um ensaio de mísseis balísticos encoberto, o que violaria as resoluções do Conselho de Segurança da ONU que, por isso, se prepara para anunciar novas sanções.

O F-22 Raptor, um caça de elevada importância estratégica para o exército norte-americano, possui as mais avançadas tecnologias e alta capacidade de ataque, sendo também dificilmente detetável nos radares.

Lusa

  • "Não partilhei SMS com ninguém"
    0:43

    Caso CGD

    António Domingues afirma que nunca revelou o conteúdo das mensagens trocadas com o ministro das Finanças sobre a entrega das declarações de património ao Tribunal Constitucional. O tema dos SMS foi abordado pelo ex-presidente da Caixa na sequência de uma pergunta do PCP sobre declarações feitas por António lobo Xavier no programa da SIC Notícias "Quadratura do Círculo".

  • "As regras europeias de bem estar animal são dogmas", diz diretor-geral de Veterinária
    1:32

    País

    O diretor-geral de Alimentação e Veterinária considera que as regras de bem estar animal que existem na União Europeia (UE) "parecem configurar uma transfiguração antropomórfica dos animais". Em declarações à SIC, a propósito da exportação de animais vivos para países terceiros, que têm outras regras de abate, Fernando Bernardo defendeu ainda que o método usado em Israel provoca uma insensibilização mais rápida do que o praticada na UE.

  • PAN questiona Governo sobre aposta na exportação de animais vivos para o Médio Oriente
    1:56

    País

    O partido Pessoas-Animais-Natureza lembra que à luz do Regulamento nº. 1/2005 do Conselho Europeu, os estados-membros da União Europeia (UE) devem evitar transportar animais vivos em viagens de longo curso. O deputado André Silva considera, por isso, que "o Estado português está a incumprir o regulamento" ao fomentar estas viagens, numa clara aposta económica em torno da exportação de animais vivos para Israel e outros destinos fora da UE. Para o deputado do PAN, é muito difícil ou "mesmo impossível assegurar o bem estar dos animais" em viagens de vários dias.

  • Trump pensou que presidência "seria mais fácil"

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos Donald Trump afirmou que a Presidência é mais difícil do que pensava e que tem saudades da vida que levava antes, em entrevistas a propósito dos primeiros 100 dias em funções.