sicnot

Perfil

Mundo

Magnata indiano da comunicação social acusado de homicídio da enteada

Um dos maiores magnatas dos meios de comunicação da Índia foi formalmente acusado do homicídio da enteada, num caso que está a abalar o país, informaram hoje fontes oficiais.

© Carlos Barria / Reuters

Peter Mukerjea, ex-presidente executivo do gigante da comunicação social Star India, foi também acusado de rapto, destruição de provas e de falsas declarações, segundo um funcionário do Departamento Central de Investigação (CBI) da Índia.

"Ele foi alvo das mesmas acusações", disse a mesma fonte à agência AFP, sob a condição de anonimato, referindo-se aos processos que envolvem a mulher de Mukerjea, Indrani, e outras pessoas.

Indrani Mukerjea é acusada, com o motorista e ex-marido, de ter estrangulado Sheena Bora até à morte antes de levar o corpo para uma floresta e o incendiar.

Sheena Bora, de 22 anos, era filha de Indrani de um anterior relacionamento.

A jovem foi morta em abril de 2012 e o seu corpo queimado foi descoberto no mês seguinte.

Indrani foi detida em agosto por suspeita da morte da jovem, que mantinha um caso com um filho de Peter Mukerjea de um anterior casamento.

Foram apontados diversos motivos para o crime, incluindo uma disputa financeira em torno dos negócios imobiliários ou a antipatia em relação ao relacionamento de Bora com o filho de Peter Mukerjea.

Peter Mukerjea foi presidente executivo do Star India, detido pela Fox, entre 1997 e 2007, antes de deixar o grupo para montar a sua própria televisão e é visto como um dos mais bem-sucedidos magnatas da comunicação social.

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.