sicnot

Perfil

Mundo

Publicitário que fez campanha de Dilma Rousseff detido em investigação sobre corrupção

A Polícia Federal do Brasil desencadeou a 23.ª fase da operação que investiga os casos de corrupção na Petrobras, prendendo o publicitário João Santana, responsável por campanhas eleitorais do Partido do Trabalhadores (PT), da Presidente Dilma Rousseff.

(arquivo)

(arquivo)

Fernando Bizerra Jr.

Segundo a investigação policial, empresas com sede em paraísos fiscais e ligadas à construtora Odebrecht fizeram transferências no valor de 2,7 milhões de euros (3 milhões de dólares) para contas do publicitário na Suíça, entre 2012 e 2013.

A ação policial foi realizada no início da manhã de hoje nas cidades de São Paulo, Campinas e Poá, Salvador, Camaçari, Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Mangaratiba e Petrópolis.

A operação cumpriu medidas cautelares emitidas pela Justiça em conexão com um suposto responsável por fazer pagamentos ilícitos da Petrobras e um grupo de pessoas.

A operação Lava Jato investiga grandes empresas brasileiras que obtiveram contratos manipulados da Petrobras, inflacionando os valores nas licitações e dividindo a diferença com ex-diretores da petrolífera e políticos que apoiaram aquelas manobras.

Além da Odebrecht, cerca de vinte outras companhias e cinquenta políticos estão a ser investigados, muitos deles integrando partidos da base política que apoia no Congresso de Deputados (parlamento) o governo de Dilma Rousseff.

A própria Petrobras reconheceu, num balanço divulgado no ano passado, que entre 2004 e 2014 teve prejuízos financeiros superiores a 2 mil milhões de euros com desvios de dinheiro e corrupção.

Lusa

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.