sicnot

Perfil

Mundo

NATO pede a todas as partes que respeitem cessar-fogo na Síria

O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, saudou hoje o acordo de cessar-fogo acordado entre os Estados Unidos e a Rússia para um cessar-fogo na Síria e pediu a todas as partes que o respeitem e controlem eficazmente.

STR

"Celebro o acordo alcançado ontem [segunda-feira] para a cessação de hostilidades na Síria", afirmou Stoltenberg perante a comissão de Negócios Estrangeiros e a subcomissão de Segurança e Defesa do Parlamento Europeu.

O secretário-geral reafirmou que a NATO apoia "todos os esforços para uma solução negociada" e para "a criação de condições para uma transição política pacífica".

Stoltenberg sublinhou que "agora o importante é que todas as partes respeitem os termos do acordo e garantam que é aplicado e controlado eficazmente".

O Departamento de Estado dos Estados Unidos anunciou na segunda-feira que Washington e Moscovo acordaram um cessar-fogo na Síria a partir das 00:00 de 27 de fevereiro, trégua que não abrange os grupos 'jihadistas' Estado Islâmico e Frente al-Nosra.

Lusa

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.