sicnot

Perfil

Mundo

Intensificam-se combates a poucas horas do cessar-fogo na Síria

Intensificam-se combates a poucas horas do cessar-fogo na Síria

Os principais grupos de oposição ao regime de Bashar al-Assad garantem que vão respeitar a trégua proposta por Washington e Moscovo, mas a pouco mais de 24 horas do início previsto, os combates intensificam-se na Síria.

  • Negociações para a paz na Síria começaram na sede da ONU
    1:33

    Mundo

    O enviado especial das Nações Unidas para a Síria disse, esta segunda-feira, que um cessar-fogo efetivo terá que ser um trabalho no terreno e com todos os envolvidos no conflito. O apelo do mediador foi feito no final da reunião que teve com os representantes da oposição síria nas negociações de paz que começaram, oficialmente, na Suíça. A oposição exige o afastamento de Assad e pede, por isso, o fim dos bombardeamentos aéreos da Rússia que apoiam as forças do Presidente.

  • Duplo atentado faz 46 mortos na Síria
    1:24

    Mundo

    O duplo atentado desta manhã na cidade de Homs, na Síria, fez 46 mortos e dezenas de feridos. O atentado que já foi atribuído ao Daesh coincide com o anúnico de um cessar-fogo.

  • Número de mortos em duplo atentado em Homs sobe para 150
    1:30

    Daesh

    Na Síria, o domingo ficou marcado por seis atentados que fizeram mais de 150 vítimas mortais. A sul de Damasco, o alvo foi um mausoléu xiita onde está sepultada uma neta de Maomé. Em Homs, as explosões atingiram um bairro já atacado o mês passado. Os ataques coincidiram com o anúncio de um novo acordo de cessar-fogo.

  • EUA e Rússia anunciam cessar-fogo na Síria
    3:40

    Edição da Manhã

    José Milhazes esteve hoje na Edição da Manhã para comentar o anúncio um cessar-fogo na Síria. Num comunicado conjunto dos Estados Unidos e da Rússia, pode ler-se que o fim das hostilidades entrará em vigor à meia-noite de sábado, hora de Damasco.

  • Bataglia deixou passar 12 milhões pela sua conta a pedido de Salgado
    2:05

    Operação Marquês

    O presidente da Escom e arguido na Operação Marquês Helder Bataglia terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates. O amigo de Sócrates e Bataglia terão combinado várias formas de não levantar suspeitas. A notícia é avançada pelo jornal Expresso na edição deste sábado.

  • Patrões não aceitam alterações ao acordo de concertação social
    2:25

    Economia

    As confederações patronais foram esta sexta-feira ao Palácio de Belém dizer ao Presidente da República que não aceitam que o Parlamento faça alterações ao acordo de concertação social. Os patrões dizem ainda ter esperança que o Parlamento não chumbe o decreto-lei que reduz a TSU das empresas com salários mínimos.

  • Dirigente derrotado da Gâmbia concorda em ceder poder

    Mundo

    O ex-presidente e candidato derrotado das eleições na Gâmbia, Yahya Jammeh, concordou em ceder o poder ao novo Presidente do país, empossado na quinta-feira, indicou esta sexta-feira um responsável governamental senegalês.