sicnot

Perfil

Mundo

Dois atentados no Afeganistão causaram 25 mortos

Dois atentados no Afeganistão, na região leste e na capital, fizeram hoje 25 mortos, numa altura em que o Governo de Cabul tenta trazer à mesa das negociações as forças talibã.

Massoud Hossaini

Os talibãs, noticiou a AFP, reivindicaram o atentado suicida em Cabul, contra o Ministério da Defesa, no centro da capital.

"Doze pessoas, entre elas dois soldados afegãos, foram mortas e oito ficaram feridas", anunciou o ministério em comunicado.

"Entre os feridos encontram-se mulheres e crianças", precisou Abduk Rahman Rahimi, chefe da Polícia de Cabul.

"Vi civis e soldados feridos. Nós pedimos ajuda, mas as forças de segurança não nos deixaram aproximar", disse à AFP Sardar Mohammed, que testemunhou o ataque suicida.

"A maior parte das vítimas eram civis que saiam do emprego", disse à AFP uma outra testemunha.

Segundo os analistas, os talibãs multiplicaram os ataques no centro de Cabul, como forma de endurecer a sua participação nas negociações de paz com o Governo de Cabul, que combatem desde 2001.

Um primeiro ataque registou-se hoje de manhã em Asadabad, capital da província de Kunar, no leste do país, no qual morreram 13 civis e 40 outros ficaram feridos.

Lusa

  • Guterres condena onda de violência em Myanmar
    0:43

    Mundo

    António Guterres condenou a onda de violência e discriminação contra os rohingya em Myanmar, na abertura da assembleia-geral das Nações Unidas. O secretário-geral da ONU pediu ainda às autoridades do país para acabarem com as operações militares e protegerem a comunidade ameaçada.

  • Furacão Maria deixa rasto de destruição na ilha Dominica
    1:52
  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04
  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31
  • Acha que este padre sabe dançar?
    2:22