sicnot

Perfil

Mundo

Cada espécie baleia tem o seu próprio dialecto

Um computador conseguiu distinguir os diferentes dialectos das baleias, um passo importante para desvendar o segredo de como estes mamíferos marinhos comunicam entre si.

Uma baleia azul vem à superfície para respirar na costa oeste dos EUA.

Uma baleia azul vem à superfície para respirar na costa oeste dos EUA.

© NOAA NOAA / Reuters

Cada espécie desenvolve a sua "melodia", apenas entendida pelos elementos do seu grupo. Um pouco como o sotaque das línguas dos seres humanos.

Ao analisar as gravações dos sons emitidos pelas baleias, investigadores conseguiram criar um algoritmo que distingue o dialecto de cada espécie.

O programa ouve os registos de cada grupo de animais e examina as frequências. "Não estamos à procura de cada som, estamos à rpocura do conjunto de sons", explicou à revista New Scientist Sarah Hallerberg do Instituto Max Planck na Alemanha. "É como olhar para todo o texto e não apenas para uma palavra".

Investigadores do grupo ecologista Ocean Sound gravou os sons de seis grupos de baleias-piloto ao longo da costa da Noruega. Ao utilizar o algoritmo, a equipa de Sarah Hallerberg conseguiu provar que cada família de baleias tem o seu próprio dialecto.