sicnot

Perfil

Mundo

Vídeo sexy sobre primeiros socorros gera polémica na Alemanha

Uma instituição de caridade alemã está a gerar polémica nas redes sociais, depois de ter publicado no Facebook um vídeo sobre primeiros socorros de cariz sexual.

No vídeo "First Aid Ladies" (As Senhoras dos Primeiros Socorros), as modelos mostram como fazer respiração boca-a-boca, como usar um desfibrilhador, como fazer reanimação cardiorrespiratória -vestidas com roupa provocante e ao som da música pop, como a de Taylor Swift "Shake it Off".

A instituição - Worker's Samaritan Federation - publicou o vídeo na sua página de Facebook na semana passada. Desde então, já teve mais de 4 milhões de likes.

"Muito poucas pessoas na Alemanha sabem prestar os primeiros socorros. Queremos solucionar isso e criámos uma nova forma de espalhar a mensagem para salvar vidas", responde a instituição às críticas de que tem sido alvo.

Entre apoiantes e detratores da iniciativa, são muitos os comentários no Facebook.

"Isto é tão sexista que primeiro pensei que era uma piada de mau gosto. Mas não é. Em 2016, devia saber-se a diferença entre emancipação, sexy e sexismo", escreveu Anita Posch.

First Aid Ladies zeigen, wie sexy Erste Hilfe sein kann

In Deutschland leisten vergleichsweise wenige Menschen Erste Hilfe. Dem wollen wir abhelfen und haben einen ganz neuen Weg gewählt, um lebensrettende Botschaften möglichst weit zu verbreiten. Die "First Aid Ladies" zeigen euch, wie ihr im Fall der Fälle helfen könnt. Schaut rein!

Posted by Arbeiter-Samariter-Bund on Thursday, February 25, 2016
  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.