sicnot

Perfil

Mundo

Cerca de 2 mil queixas por injúrias ao Presidente examinadas pela justiça turca

Cerca de 2.000 processos judiciais foram acionados na Turquia por insultos contra Recep Tayyip Erdogan desde a sua eleição para a presidência em agosto de 2014, anunciou hoje o ministério da Justiça.

© Christian Hartmann / Reuters

"O número de 'dossiers' que até agora motivou a abertura de procedimentos judiciais por insultos ao Presidente é de 1.845", declarou aos deputados o ministro da Justiça Bekir Bozdag, citado por diversos 'media' locais.

"É vergonhoso. Nem consigo ler o pormenor destes insultos... Estou furioso. Isto nada tem a ver com a liberdade de expressão", acrescentou.

Desde a sua eleição para a chefia do Estado, após ter abandonado o cargo de primeiro-ministro que ocupava desde 2003, Erdogan -- acusado pelos seus críticos de deriva autoritária -- multiplicou os processos em tribunal por "insultos" e dirigidos a artistas, jornalistas, ou simples cidadãos.

A ex-estrela do futebol turco, o "touro do Bósforo" Hakan Sükur, antigo aliado de Erdogan e agora na oposição, será julgado em breve por ter insultado no Twitter o homem forte da Turquia. Arrisca quatro anos de prisão.

Na maioria dos casos as sanções pronunciadas por este delito limitam-se a condenações com pena suspensa, mas em 20 de janeiro uma mulher foi condenada a 11 meses de prisão efetiva por um gesto obsceno dirigido a Erdogan durante uma manifestação em março de 2014.

Lusa

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.

  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.