sicnot

Perfil

Mundo

Cão gravemente ferido em incêndio nos EUA torna-se bombeiro

Jake tinha apenas três semanas quando 75% do seu corpo ficou queimado. Está, agora, a recuperar e tornou-se bombeiro.

facebook.com/Jakes-Page

facebook.com/Jakes-Page

Em pouco menos de dois anos, Jake passou de cão assustado em perigo de vida a um cão treinado para combater fogos.

Quando tinha apenas três semanas, esteve envolvido num incêndio numa casa que queimou 75% do seu corpo. Foi salvo e agora faz parte da equipa de bombeiros.

Foi resgatado na Carolina do Sul, nos Estados Unidos, por Bill Lindler, um bombeiro.

Em abril de 2014, Lindler reparou que fumo e chamas estavam a sair da propriedade de vizinhos. Quando ele e os colegas entraram no edifício, viu o cão encolhido e assustado num canto. Teve sorte em sobreviver. Foi-lhe feita respiração "boca-a-focinho" e foi levado para o veterinário com queimaduras de segundo e terceiro grau em cerca de 75% do corpo, incluindo as patas. "A maior parte dos animais não sobrevivem, normalmente, a este tipo de queimaduras graves", disse Lindler ao Buzzfeed News, segundo conta o The Telegraph.

Os vizinhos não puderam pagar os custos do veterinário. Por isso, o seu "salvador" resolveu falar com a mulher e decidiram adotá-lo.

Jake teve de ficar em tratamento médico 24 horas por dia durante seis semanas. Assim que recuperou, tornou-se favorito do Departamento de Bombeiros de Hanahan.

Em dezembro, foi contratado como bombeiro e tornou-se, também, a mascote da corporação.

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.