sicnot

Perfil

Mundo

Eurodeputado grego expulso por comentário xenófobo sobre turcos

O presidente do Parlamento Europeu (PE), Martin Schulz, expulsou hoje do hemiciclo o eurodeputado grego do partido de extrema-direita Aurora Dourada Eleftherios Synadinos devido a um comentário xenófobo durante o debate sobre o pré-acordo migratório com a Turquia.

PATRICK SEEGER

Antes do início das votações do meio-dia, o presidente do PE citou a intervenção de Synadinos durante o plenário.

"Como muitos cientistas têm dito, os turcos são bárbaros, são sujos, são os que ao lutar contra o inimigo lutam sem princípios. A firmeza e o punho são a arma", foi a declaração do eurodeputado grego citada por Schulz.

O presidente do PE disse que perante aquele comentário o parlamento "tinha de reagir" porque ele "contraria" o seu "regulamento interno e os valores da União Europeia".

"Como medida imediata tomou-se uma decisão de princípio, porque se ultrapassam sistematicamente os limites para acomodar o racismo e comigo isso não será possível", afirmou Schulz, avisando Synadinos que vai continuar o processo interno devido à sua atitude.

Lusa

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27
  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.