sicnot

Perfil

Mundo

Chuvas torrenciais no Brasil fazem mais de uma dezena de mortos

Chuvas torrenciais no Brasil fazem mais de uma dezena de mortos

As chuvas torrenciais que se fazem sentir em São Paulo já fizeram 16 mortos e, pelo menos, 11 feridos. Depois de dois anos de seca, em apenas 31 horas choveu cerca de metade do que o previsto num mês.

  • França faz exercício de preparação para as maiores cheias do século
    2:04

    Mundo

    Paris está a preparar-se para aquelas que poderão vir a ser as maiores cheias do século. As autoridades sabem que, a curto ou médio prazo, a situação vai ser real e inevitável, por isso estão a preparar, esta semana, um gigantesco exercício de prevenção em toda a região da capital francesa. O exercício pretende testar a resposta dos serviços e reação dos habitantes perante a subida invulgar das águas no rio Sena. Michel Cadot, polícia, diz que há mesmo risco de cheias com consequências graves. Os especialistas preveem que as próximas cheias afetem cinco milhões de pessoas e que provoque 30 mil milhões de euros de prejuízos.

  • As cheias em Águeda, uma semana depois
    2:42

    País

    As cheias do passado fim de semana fizeram uma vítima mortal, deixaram moradores isolados e causaram prejuízos. Em Águeda, registaram-se as maiores cheias deste século. A região de Aveiro é bastante vulnerável a inundações que, segundo estudos científicos, tendem a repetir-se mais vezes e com maior dimensão.

  • Três irmãos resgatados dos escombros em Itália
    1:24
  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • Graça Fonseca, a primeira governante a assumir-se homossexual
    1:02

    País

    A secretária de Estado da Modernização Administrativa deu uma entrevista ao Diário de Notícias onde assume a sua homossexualidade. É a primeira vez que um governante português o faz. Graça Fonseca assume esta posição pública como uma "afirmação política".

  • Governo quer entregar OE 2018 a 13 de outubro
    1:33
  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.