sicnot

Perfil

Mundo

Martin Schulz critica Frente Nacional francesa

O presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, criticou hoje a Frente Nacional, considerando que o partido de extrema-direita francês identifica os "bodes expiatórios" mas nunca apresenta propostas concretas.

Ebrahim Noroozi

"A Frente Nacional é um partido que identifica os responsáveis, os bodes expiatórios: os imigrantes, o governo, o leste europeu, os europeus, os alemães, e todos os outros" disse Schulz ao canal de televisão francês I-Télé.

"Quando colocamos a questão concreta sobre soluções em relação, por exemplo, à deslocalização ou à concorrência desleal, é o silêncio. Não dizem nada", acrescentou.

"Vocês conhecem as propostas concretas da Frente Nacional para estes problemas? Quais são as propostas concretas desse partido?" questionou o presidente do Parlamento Europeu e dirigente social-democrata alemão.

Durante a entrevista, Schulz relativizou os êxitos do partido, liderado por Marine Le Pen desde 20111, que aumentou o número de eleitos em França e no Parlamento Europeu.

Referindo-se às regionais francesas de dezembro de 2015, Martin Schulz frisou que a Frente Nacional conseguiu 37 por cento dos votos mas que a participação nas eleições não ultrapassou os 58 por cento.

"A Frente Nacional é um partido, não é o partido dos franceses", conclui Martin Schulz.

Lusa

  • A fuga dos PIDES
    1:16

    Perdidos e Achados

    Ao final do dia 29 de Junho de 1975, 89 agentes da PIDE fugiam da cadeia de Vale de Judeus, em Alcoentre. Mais de 40 anos depois, Perdidos e Achados recupera um dos acontecimentos do Verão Quente em Portugal. Hoje no Jornal da Noite e conteúdos exclusivos no site.

    Hoje no Jornal da Noite

  • "O FC Porto não merece ser campeão"
    2:23
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    O empate do FC Porto com o Feirense foi o principal assunto do Play-Off da SIC Notícias, este domingo. Rodolfo Reis mostrou-se insatisfeito com a atitude dos jogadores do FC Porto.

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Défice recua em 2016 na zona euro e na UE

    Economia

    O défice e a dívida baixaram na zona euro e na União Europeia (UE) em 2016 face a 2015, tendo Portugal registado a terceira maior dívida (130,4%) entre os Estados-membros e um défice de 2%, segundo o Eurostat.