sicnot

Perfil

Mundo

Jihadistas da Frente al-Nusra anunciam ofensiva em 48 horas na Síria

A Frente al-Nusra, braço sírio da Al-Qaida, anunciou o lançamento de uma ofensiva nas próximas 48 horas na Síria, de onde a Rússia, aliada do regime, está a retirar as suas tropas.

reuters

"É claro que a Rússia sofreu uma derrota e nas próximas 48 horas a Frente al-Nusra vai lançar uma ofensiva na Síria", disse hoje um comandante no terreno deste grupo radical à agência France Presse através do serviço telefónico via Internet Skype.

Devido aos ataques aéreos russos na Síria desde 30 de setembro, a Al-Qaida aliada a grupos islamitas perdeu numerosos setores na província de Latakia (oeste), assim como uma grande parte da província de Alepo (norte).

"Nós não estamos envolvidos" no cessar-fogo, que entrou em vigor a 27 de fevereiro por iniciativa da Rússia e dos Estados Unidos, lembrou o comandante, que não quis ser identificado.

"Os russos retiraram-se pois apoiavam o regime, mas este mostrou-se incapaz de manter os territórios conquistados", adiantou.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, ordenou na segunda-feira ao Ministério da Defesa para iniciar hoje a retirada das forças russas da Síria e, segundo a presidência russa, o chefe de Estado sírio, Bashar al-Assad, concordou com a decisão.

Moscovo vai, no entanto, manter uma presença aérea no território sírio para supervisionar a aplicação do cessar-fogo, adiantou a presidência russa.

  • Detido dono do cão que feriu criança com gravidade

    País

    O dono do cão de raça Rottweiler que esta terça-feira feriu com gravidade uma criança de quatro anos em Matosinhos foi detido pela PSP e o animal já foi recolhido no canil municipal, informou fonte oficial da autarquia.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.