sicnot

Perfil

Mundo

Estudante dos EUA condenado a 15 anos de trabalho forçado na Coreia do Norte

Um estudante norte-americano foi hoje condenado a 15 anos de trabalhos forçados na Coreia do Norte por tentar roubar um cartaz de propaganda política de um hotel onde estava hospedado em Pyongyang, informou a agência japonesa Kyodo.

© KYODO Kyodo / Reuters

Otto Frederick Warmbier, estudante de 21 anos da Universidade da Virgínia, foi condenado pelo Tribunal Supremo norte-coreano depois de ter reconhecido publicamente o seu "delito", numa confissão descrita como podendo ter sido forçada pelas autoridades norte-coreanas.

Warmbier, que foi preso no início de janeiro quando tentava abandonar o país, disse mais tarde que tinha removido o cartaz político de uma área reservada ao pessoal no hotel de Pyongyang, que estava a ser usado pela excursão na qual estava integrado.

A Coreia do Norte utilizou noutras ocasiões as detenções de norte-americanos para iniciar negociações com Washington, já que ambos os países não mantêm relações diplomáticas, escreve a agência EFE.

Lusa

  • "Até para o ano", a mensagem de Ronaldo para os adeptos do Real Madrid
  • Despenalização da eutanásia votada na terça-feira no Parlamento
    2:04
  • Há companhias aéreas a contratar. TAP é uma delas
    1:28

    Economia

    Com o crescimento do turismo, que continua a bater recordes, as companhias aéreas querem profissionais para reforçar as rotas com maior procura e oferecer novos destinos. Só a TAP prevê contratar mais 700 pessoas este ano para várias funções, incluindo 300 tripulantes de cabine e 170 pilotos.

  • O bombeiro herói que recebe 267 euros de pensão
    2:36
  • Funcionários dos EUA na Coreia do Norte para preparar cimeira
    2:19