sicnot

Perfil

Mundo

Maduro apela à solidariedade mundial com Lula e Dilma

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, apelou hoje à solidariedade mundial para com a sua homóloga brasileira, Dilma Rousseff, e o ex-Presidente Lula da Silva perante o "golpe mediático-judicial" que estão a tentar contra eles.

© Carlos Garcia Rawlins / Reute

"Levantemos a voz da solidariedade mundial com Dilma e Lula perante o golpe mediático-judicial no Brasil", escreveu Nicolás Maduro na sua conta no Twitter.

O Presidente da Venezuela considerou ainda que se trata de "uma ofensiva imperial que pretende acabar com as forças progressivas e revolucionárias".

"Que o movimento popular e democrático da nossa América se levante para enfrentar o golpe no Brasil. É tempo de luta", escreveu.

Um despacho judicial suspendeu hoje o ato de nomeação do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva como ministro da Casa Civil do Governo de Dilma Rousseff, segundo informações do jornal Folha de S.Paulo.

A decisão é, segundo o jornal, do juiz Itagiba Catta Preta Neto, que teria entendido que "há indícios de cometimento do crime de responsabilidade".

No entanto, este não é o único pedido de impugnação da posse de Lula. A juíza Ivani Silva da Luz da 22.ª Vara Federal do Distrito Federal aceitou hoje uma denúncia do movimento Pátria Brasil contra a posse do antigo Presidente.

A nomeação de Lula da Silva para o Governo está a ser encarada como uma forma de o ex-Presidente evitar as investigações de que é alvo no âmbito da Operação Lava Jato, sobre um esquema de corrupção que envolve várias empresas, incluindo a petrolífera estatal Petrobras.

Lusa

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.