sicnot

Perfil

Mundo

Trump na presidência dos EUA entre as maiores ameaças mundiais

A eventual vitória de Donal Trump nas eleições presidenciais americanas é considerada uma das 10 maiores ameaças mundiais, de acordo com a Economist Intelligence Unit (EIU). A unidade de análise económica da revista britânica The Economist considera que Trump poderia perturbar a economia global e aumentar os riscos políticos e de segurança nos EUA.

© Joe Skipper / Reuters

A Economist Intelligence Unit considera, contudo, pouco provável que o candidato republicano possa derrotar Hillary Clinton, que vê como "o mais provável candidato democrata".

A ameaça mundial da vitoria de Trump é equiparada ao risco que poderia representar a saída do Reino Unido da União Europeia ou um conflito armado no Mar do Sul da China.

"Até agora, Trump deu poucos detalhes sobre suas políticas, e verifica-se para constante revisão", refere a EIU no relatório de avaliação de risco global.

O ranking desta prestigiada empresa de pesquisa usa uma escala de 1 a 25, com Trump a obter uma classificação de 12, o mesmo nível de risco da "ameaça crescente do terrorismo jihadista".

Entre os acontecimentos mais perigosos para o mundo, a EIU destaca a acentuada desaceleração da economia chinesa e as intervenções da Rússia na Ucrânia e na Síria, antevendo uma nova "guerra fria".

  • Grafitter morre após cair do telhado da estação de Sete Rios
    0:57

    País

    Um grafitter morreu no sábado na estação intermodal de Sete Rios, em Lisboa. O jovem caiu de uma altura de seis metros, enquanto fazia um grafitti. As autoridades terão sido alertadas por um amigo, mas quando o INEM chegou o jovem de 21 anos já estava morto.

  • Incêndio em empresa na Anadia não teve origem criminosa
    2:01

    País

    O incêndio de sábado numa fábrica de capacetes em Anadia causou estragos de perto de um milhão de euros. A empresa vai retomar a laboração já esta segunda-feira, mas só daqui a um mês é que deverá estar a trabalhar em pleno. As autoridades afastaram a possibilidade de origem criminosa, apesar das peritagens ainda não terem revelado a causa do incêndio.