sicnot

Perfil

Mundo

Obama aterra em Havana e mostra-se ansioso para conhecer o povo de Cuba

O presidente norte-americano, Barack Obama, aterrou este domingo em Havana tornando-se o primeiro líder dos Estados Unidos a visitar Cuba nos últimos 88 anos, e mostrando-se ansioso para conhecer o povo cubano.

© Carlos Barria / Reuters

O Air Force One, avião presidencial norte-americano, aterrou perto das 16:15 locais (20:15 hora de Lisboa) no aeroporto Jose Martin, nome do pai da independência da antiga colónia espanhola.

Numa curta mensagem na rede social Twitter, divulgada pouco depois de aterrar, Barack Obama escreveu em espanhol, usando uma expressão popular para perguntar como estão os cubanos ("'Que bolá Cuba?'") e mostrou-se "ansioso para conhecer e ouvir diretamente o povo cubano".

Barack Obama tornou-se hoje o primeiro presidente norte-americano, depois de Calvin Coolidge, a visitar Cuba, procurando acabar com décadas de animosidade relacionada com a Guerra Fria.

Lusa

  • Esquerda contra a venda do Novo Banco
    1:51

    Economia

    O futuro do Novo Banco promete agitar a maioria de esquerda nas próximas semanas. O Bloco de Esquerda e o PCP estão contra os planos de privatização e insistem que a solução é nacionalizar o banco. O Bloco de Esquerda defende que privatizar 75% é o pior de dois mundos. Já o PCP diz que o banco deve ser integrado no setor público.

  • Vídeo amador mostra destruição na Síria
    1:04

    Mundo

    A guerra na Síria continua a fazer vítimas mortais. Um vídeo amador divulgado esta segunda-feira mostra o estado de uma localidade a este de Damasco, depois de um ataque aéreo no fim-de-semana. No ataque, 16 pessoas morreram e há várias dezenas de feridos.

  • Pescador resgatado de um lago gelado na Estónia
    1:08
  • Banco do Metro com pénis gera polémica no México

    Mundo

    Um banco em formato de homem com o pénis exposto, numa das carruagens de Metro da Cidade do México, está a gerar polémica. A iniciativa integra uma campanha contra o assédio sexual de que as mulheres são vítima no país.