sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte lança quatro mísseis de curto alcance

A Coreia do Norte voltou a desafiar a comunidade internacional, ao disparar pelo menos quatro misseis de curto alcance. A ação desta madrugada foi confirmada pelas autoridades da Coreia do Sul, que dizem que os projécteis caíram no mar, ao largo da costa leste da península.

Arquivo

Arquivo

© Jason Lee / Reuters

Um representante do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas sul-coreanas indicou que os projéteis foram lançados a partir de uma zona perto da cidade de Hamhung, pelas 15:20 (06:20 em Lisboa), tendo caído no Mar do Leste (Mar do Japão). O tipo de míssil não foi especificado.

As tensões militares na península coreana têm vindo a agravar-se desde que o Norte realizou o seu quarto teste nuclear a 06 de janeiro, seguido de o lançamento de um 'rocket' de longo alcance, um mês depois, encarado pela comunidade internacional como um teste de míssil balístico.

O Conselho de Segurança da ONU respondeu a estas ações no início do mês, impondo as mais duras sanções à Coreia do Norte até à data.

Nas últimas semanas, Pyongyang tem feito ameaças quase diárias de ataques nucleares contra Seul e Washington, como reação aos exercícios militares conjuntos dos dois países, que o Norte entende como ensaios para uma invasão.

Na passada sexta-feira, Pyongyang testou dois mísseis de médio alcance, seguindo indicações de Kim Jong-un, que ordenou a preparação de uma série de lançamentos de mísseis, bem como um teste de explosão de uma ogiva nuclear.

O Conselho de Segurança da ONU condenou os lançamentos, considerando-os "inaceitáveis" e uma clara violação das resoluções da ONU.

Última atualização às 9:16 / Com Lusa

  • Ex-diretor do Fisco desmente Núncio sobre transferências para offshores

    Economia

    O ex-diretor geral da Autoridade Tributária, José de Azevedo Pereira, acusou esta sexta-feira o ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio, de não ter autorizado a divulgação das polémicas transferências para paraísos fiscais, isto depois do antigo governante ter dito que a decisão pela não publicação tinha sido da responsabilidade do Fisco.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.