sicnot

Perfil

Mundo

Dissidentes cubanos detidos ontem começaram a ser libertados

Os dissidentes cubanos que foram detidos este domingo em Havana, após uma marcha do movimento Damas de Branco, começaram a ser libertados, disseram à Efe fontes do grupo.

No grupo dos dissidentes detidos ontem em Havana e libertados hoje está a líder das Damas de Branco, Berta Soler.

No grupo dos dissidentes detidos ontem em Havana e libertados hoje está a líder das Damas de Branco, Berta Soler.

© Enrique de la Osa / Reuters

Entre os libertados está a líder das Damas de Branco, Berta Soler, e o seu marido, antigo preso político, Ángel Moya, bem como o ativista Antonio González Rodiles, o artista de graffiti Danilo Maldonado "El Sexto" e o músico Gorki Águila.

Soler disse à Efe não poder determinar quantos dissidentes, dos cerca de 60 detidos na manhã de domingo, foram libertados, indicando que desconhece também a situação atual das mulheres do seu grupo que viajaram de províncias como Matanzas, Villa Clara, Guantánamo e Santiago de Cuba para assistir à marcha dominical, não sabendo se regressaram às suas localidades.

O grupo, criado por mulheres de opositores ao regime comunista, tentava realizar uma marcha, mas ao encontrar-se com uma contramanifestação de apoiantes do Governo acabou por ser alvo de detenções e conduzido com violência para unidades policiais.

As detenções de domingo aconteceram poucas horas antes da chegada a Havana do Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, que na agenda da visita à ilha tem incluído um encontro com dissidentes.

Há 46 semanas consecutivas que a marcha de domingo das Damas de Branco acaba em detenções, segundo denunciou o grupo.

De acordo com o último relatório da Comissão Cubana de Direitos Humanos e Reconciliação Nacional, a única que contabiliza as detenções e outros atos de repressão na ilha, nos dois primeiros meses deste ano foram registadas pelo menos 2.555 detenções por motivos políticos.

Lusa

  • Obama em Havana
    2:08

    Mundo

    Momento histórico, hoje, em Cuba. Barack Obama e Raul Castro vão estar reunidos na primeira visita de um Presidente norte-americano à ilha em 88 anos. Obama chegou ontem a Havana onde já afirmou estar no país para criar novos laços políticos e comerciais.

  • Cuba prepara-se para receber Obama
    2:38

    Mundo

    Cuba está a preparar-se para a primeira visita de um Presidente norte-americano desde 1928. Barack Obama chega a Havana já na segunda-feira e os cubanos já aguardam a chegada com grande expectativa.

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.