sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte testou com sucesso míssil com combustível sólido

A Coreia do Norte assegurou hoje ter levado a cabo com êxito um teste de lançamento de um rocket com combustível sólido, o que representaria um avanço no seu programa de mísseis num momento de tensão militar na região.

Uma nova foto do líder norte-coreano, divulgada pela KCNA

Uma nova foto do líder norte-coreano, divulgada pela KCNA

© KCNA KCNA / Reuters

Este feito ajudará o país a "inspirar grande horror e terror no coração dos inimigos", afirmou o líder Kim Jong-un, que felicitou os cientistas do seu país, durante a sua visita ao local do teste, segundo informou a agência estatal norte-coreana KCNA.

A agência oficial assegurou que os resultados do ensaio coincidiram com os valores previamente estimados e "estão totalmente em linha com todos os indicadores científicos e tecnológicos".

O êxito do teste de rockets com combustível sólido "é de grande importância histórica e estratégica" e servirá para "reforçar notavelmente a capacidade militar" do país, segundo a KCNA.

O combustível sólido permite, segundo especialistas, abastecer os projéteis mais rapidamente e mantê-los armazenados e prontos para disparar durante longos períodos, ao contrário do combustível líquido.

A nova ameaça surge num momento de tensão depois de a Coreia do Norte ter levado a cabo o seu quarto teste nuclear no início de janeiro e realizado um lançamento de um rocket espacial em fevereiro, considerado um ensaio de mísseis encoberto.

Em resposta, o Conselho de Segurança da ONU impôs fortes sanções financeiras e comercias ao país, enquanto os Estados Unidos, a Coreia do Sul e o Japão ditaram medidas punitivas adicionais de forma unilateral.

Alem disso, Seul e Washington realizam até ao final de abril, em território sul-coreano, manobras militares de grande escala, consideradas um "ensaio de invasão" pela Coreia do Norte.

Em reação, o regime de Kim Jong-un emitiu várias ameaças de guerra e realizou vários lançamentos para o mar de mísseis de curto e médio alcance.

Lusa

  • Salgado impedido de sair do país e de contactar outros arguidos
    1:21

    Operação Marquês

    O ex-presidente do BES, Ricardo Salgado, ficou esta quarta-feira impedido de se ausentar para o estrangeiro sem autorização prévia e proibido de contactar com os arguidos da Operação Marquês, determinou o Tribunal Central de Instrução Criminal. O jornalista da SIC Luís Garriapa esteve no TCIC, onde deu a conhecer as medidas de coação, depois de uma "longa maratona de nove horas".

  • Temperatura global de 2016 foi a mais alta desde 1880

    Mundo

    A temperatura média na superfície terrestre e oceânica em 2016 foi a mais alta desde 1880, no terceiro ano consecutivo de recordes do aquecimento global, anunciou esta quarta-feira a agência dos Estados Unidos para a atmosfera e os oceanos.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..