sicnot

Perfil

Mundo

Primeiro-ministro francês lamenta "terrível acidente" que matou 12 portugueses

O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, lamentou hoje o "terrível acidente" rodoviário que ocorreu perto de Lyon, em França, causando a morte a 12 portugueses, e enviou "sinceras condolências" às famílias das vítimas.

Manuel Valls, primeiro-ministro francês

Manuel Valls, primeiro-ministro francês

© POOL New / Reuters

"Sentimento de terror depois deste terrível acidente rodoviário em Allier. Envio as minhas sinceras condolências às famílias das vítimas", escreveu Manuel Valls na sua conta na rede social Twitter.

O acidente que decorreu cerca das 23:45 de quinta-feira provocou a morte de 12 portugueses, incluindo uma criança de 7 anos.

As vítimas morreram na sequência um choque frontal entre a carrinha em que seguiam e um veículo pesado, onde estavam dois condutores italianos que sobreviveram. A carrinha desviou-se para a faixa contrária e colidiu de frente com o camião.

O veículo em que seguiam os portugueses saiu da Suíça por volta das 21:00 de quinta-feira e teria como destino Portugal.

O acidente ocorreu por volta das 23:45 na estrada nacional 79, perto de Lyon, na localidade de Moulins, no departamento de Allier, no centro de França.

Lusa

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.