sicnot

Perfil

Mundo

Defesas dos ativistas angolanos vão recorrer da decisão do tribunal

Defesas dos ativistas angolanos vão recorrer da decisão do tribunal

Os 17 ativistas angolanos já estão na cadeia a cumprir as penas pelas quais foram condenados. As defesas pretendem recorrer da decisão do Tribunal de Luanda que, esta tarde, condenou todos os ativistas a penas que vão dos dois anos e três meses, as mais leves, a oito anos e meio de prisão, a mais pesada. Luaty Beirão foi condenado a cinco anos e meio mas nem sequer entrou na sala do tribunal.

  • Troika nem sempre protegeu os mais vulneráveis, conclui avaliação do FMI

    Economia

    O organismo de avaliação independente do FMI concluiu que as medidas aplicadas pela troika em Portugal nem sempre protegeram as pessoas com menos rendimentos, apontando que a primeira preocupação do Fundo era a redução dos défices, apurou o gabinete independente de avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI),