sicnot

Perfil

Mundo

Pyongyang lança no mar novo míssil de curto alcance, afirma Seul

A Coreia do Norte voltou hoje a lançar um míssil de curto alcance que caiu no mar na sua costa oriental, anunciaram as forças armadas sul-coreanas.

© KCNA KCNA / Reuters

O Estado-Maior das Forças Armadas sul-coreanas precisa num comunicado que o projétil de curto alcance foi lançado por volta das 05:40 locais (08:40 em Lisboa), perto da cidade de Wonsan, este do território norte-coreano, e percorreu 200 quilómetros.

"Estamos a acompanhar a situação de muito perto e estamos preparados para qualquer eventualidade", acrescenta o comunicado, citado pela agência France Press.

O clima de tensão na península coreana tem vindo a deteriorar-se desde o quarto ensaio nuclear norte-coreano no início de janeiro último, seguido a 7 de fevereiro de um lançamento de míssil, que foi considerado como um teste disfarçado de lançamento de um míssil balístico de longo alcance.

O Conselho de Segurança das Nações Unidas respondeu no início deste mês com um reforço de sanções contra o regime de Pyongyang.

Nas últimas semanas, a realização de manobras militares conjuntas da Coreia do Sul e dos Estados Unidos levaram a um novo aumento da tensão, com o regime de Kim Jong-un a responder com lançamentos de mísseis e ameaças quase quotidianas de ataques nucleares.

No passado dia 21 de março, Pyongyang lançou cinco mísseis de curto alcance que caíram no mar do Japão, e três dias antes havia já lançado dois mísseis de médio alcance, uma provocação considerada mais grave, uma vez que os projéteis tinham a capacidade para alcançar o Japão.

Lusa

  • A menina síria que relata a guerra no Twitter está bem, diz o pai

    Mundo

    Bana Alabed, a menina síria de 7 anos que conta no Twitter a luta pela sobrevivência e os horrores da guerra em Alepo, teve de abandonar a sua casa que foi bombardeada mas está bem, disse hoje o seu pai à Agência France Press. A conta esteve fechada desde domingo, mas foi entretanto reativada e tem hoje uma nova publicação de Bana.

  • Parkinson pode ter início nos intestinos

    Mundo

    Um novo estudo científico vem revelar que a doença de Parkinson pode não estar apenas no cérebro. A doença pode ter início nos intestinos e mais tarde migrar para o cérebro.