sicnot

Perfil

Mundo

Suspeito de terrorismo detido na Holanda rejeita extradição para França

O francês de 32 anos que foi detido durante buscas realizadas no último fim de semana na cidade holandesa de Roterdão por alegadas ligações terroristas rejeita ser extraditado para França, indicou hoje o Ministério Público holandês.

© Yves Herman / Reuters

O suspeito, identificado pelos 'media' holandeses como Anis B., vai permanecer sob custódia das autoridades holandesas até que um tribunal decida, num prazo de 90 dias, sobre o pedido de extradição requerido por Paris, segundo explicou o Ministério Público de Amesterdão, num comunicado.

O homem, detido no domingo em Roterdão a pedido de Paris, é suspeito de receber ordens do grupo extremista Estado Islâmico (EI) para atacar alvos no território francês em parceria com Reda Kriket, um indivíduo de 34 anos, com antecedentes criminais, detido na quinta-feira em França.

Lusa

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa. A Direção-Geral de Saúde vai divulgar ainda esta terça-feira as normas de orientação clínica para que os médicos possam lidar da melhor maneira com este surto.

  • Bruno de Carvalho e Octávio Machado suspensos

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, e o diretor-geral para o futebol, Octávio Machado, foram esta terça-feira suspensos pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência de uma queixa apresentada pelo Benfica em novembro de 2015.

  • Corredora exausta é levada ao colo até à meta na meia maratona do amor
    1:06

    Mundo

    Aconteceu este domingo em Filadélfia, EUA. A poucos metros da meta uma corredora exausta é amparada por dois colegas. Mas o cansaço é tanto que fica sem força nas pernas. É quando aparece a terceira ajuda. Um homem volta para trás e leva-a no colo até à meta. A centímetros do fim larga-a para que a corredora possa atravessar a meta pelo seu próprio pé.

    Patrícia Almeida

  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho