sicnot

Perfil

Mundo

Ministro dos Desportos brasileiro substituído após polémica no governo

O ministro brasileiro dos Desportos, George Hilton, deixou o cargo na quarta-feira e será substituído provisoriamente por Ricardo Leyser, homem forte do governo na organização dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, anunciou a Presidência.

© Ueslei Marcelino / Reuters

"A Presidente da República, Dilma Rousseff, informa que o ministro de Estado George Hilton deixa, a seu pedido, o Ministério dos Desportos", segundo um comunicado do palácio presidencial.

No cargo desde dezembro de 2014, George Hilton tem sido o centro das atenções desde que o seu antigo partido, o PRB, deixou a 16 de março a coligação de centro-esquerda no poder para se juntar à oposição.

Na semana passada, uma fonte governamental tinha indicado à agência AFP que a sua saída era "muito provável".

O seu sucessor, Ricardo Leyser, trabalha no Ministério dos Desportos desde 2013, onde ocupa o posto de secretário de Estado encarregado do desporto de alto nível.

Pertence ao PCdoB (partido comunista), como o antecessor de George Hilton, Aldo Rebelo, que ocupava o cargo durante o Mundial 2014 (futebol).

Lusa

  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras

  • Greve na Função Pública vai afetar escolas, saúde e cultura

    País

    A greve nacional convocada para sexta-feira pela Federação Nacional dos Sindicatos da Função Pública (FNSTFPS) deverá afetar as escolas, a área da saúde e ainda da cultura, entre outros serviços, afirmou esta quarta-feira a dirigente sindical, Ana Avoila.

  • Marcelo comenta comparação de Centeno a Ronaldo

    País

    O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, comentou esta quarta-feira a comparação que o ministro das Finanças alemão terá feito entre Mário Centeno e Ronaldo, considerando que "quem quer que disse isso, por uma vez não pensou mal".